Todos nós sabemos que as empresas são feitas por pessoas, principalmente na área da saúde.

Não podemos substituir os profissionais que prestam o atendimento aos pacientes por robôs, como acontece numa linha de montagem de uma indústria, por exemplo.

Por isso, saber contratar a pessoa certa para exercer determinada função, é essencial para conseguir prestar um serviço de qualidade para nossos clientes.

Ter uma boa equipe é a chave do sucesso de qualquer negócio ou, no mínimo, um atalho para alcançá-lo. Porém, quem disse que é fácil lidar com pessoas?

O ser humano tem todas as maravilhas e as coisas mais desagradáveis, que fazem das interações dentro das instituições o paraíso e o purgatório de cada dia. Gostamos das pessoas, torcemos por cada uma delas.  Mas ninguém disse que é fácil escolher, treinar, motivar e manter, especialmente aqueles profissionais mais capacitados e comprometidos com a empresa.

O recrutamento e seleção, é a chave para que esse caldeirão de pessoas dê o melhor resultado. Saber contratar ou promover a pessoa certa, é quase uma arte. Há candidatos que chegam em entrevistas de empregos, com aquele discurso pronto, mas no meio da entrevista, acabam se enrolando, e perdendo a oportunidade de conseguir aquela vaga.

Todos os gestores, um dia, irão entrevistar algum candidato, e para isso, vamos dar algumas dicas, para realizar uma boa entrevista, e contratar a pessoa ideal para a vaga.

 A pergunta da “outra vaga”.
Esta pode ser uma boa pergunta para testar até que ponto um candidato está mesmo disposto a aceitar a vaga que você está oferecendo, e não está lá simplesmente para ganhar um salário maior. No fim da entrevista, diga ao candidato que talvez, sua empresa tenha uma nova vaga em outro departamento. Se a pessoa disser que está a fim do outro posto também, este pode ser um sinal de que ela não está muito interessada no trabalho em questão.

Diga que o candidato não serve.
Realmente, ao fazer este comentário pode ser algo bem ousado, mas pode ser uma boa alternativa para testar pessoas que precisam suportar algum tipo de pressão no trabalho. A técnica é a seguinte: no meio da entrevista, diga ao candidato que ele não tem condições de ocupar o posto oferecido e fique em silêncio por alguns instantes.

Se a pessoa simplesmente concordar com você, este pode ser um sinal de que ela, de fato, não tem condições para ocupar o posto. Caso o candidato não concorde, ou pergunte os motivos que levaram você a essa conclusão, responda simplesmente que você está brincando, ria e continue a conversa.

Faça-o falar.
Outro truque é deixar que o candidato fale da sua experiência anterior, especialmente se souber que ele foi demitido no emprego passado. Espera-se que a pessoa simplesmente diga que houve problemas, mas sem dar muitos detalhes.

A dica é fazer o entrevistador pedir uma resposta mais detalhada. Se o candidato, por exemplo, especificar um dos problemas que teve no emprego anterior, problemas com o chefe, por exemplo, isso não é um problema, mas se ele desatar a falar mal do patrão, talvez seja melhor pensar em outra pessoa para o emprego. Falar demais sobre o trabalho antigo mostra certo descontrole e desprezo por pessoas que pagaram seu salário e o ajudaram a pagar suas contas.

A técnica do motorista.
Esta técnica, pode ser usada quando o candidato vem de outra cidade. Se possível, use um de seus funcionários para atuar como um motorista e buscá-lo no aeroporto ou no hotel.

O truque é usar a relação com o motorista como critério para a seleção do candidato. O empreendedor pode querer apenas candidatos que foram educados com quem dirigiu para elas, o que denotaria humildade, ou que não fale mal da empresa para o motorista.

Saber avaliar bem um candidato, é o primeiro passo, para contratar um profissional que irá agregar muito a sua equipe de trabalho, e consequentemente, ajudará no sucesso da sua empresa.

Administrador Hospitalar pelo Centro Universitário São Camilo. Ampla experiência em rotina administrativa hospitalar, negociação de valores de materiais de alto custo e atendimento ao cliente. Busca se aprimorar com conhecimentos para a gestão e motivação de pessoas no ambiente hospitalar. Experiência em relacionamento com clientes, busca de novas parcerias e negócios.

Leave a Comment